Manu Cunhas e Van Joda lançam campanha de financiamento coletivo do livro ‘Corpo de Yoga’

A campanha do Catarse segue até o dia 12 de agosto.

O projeto "Corpo de Yoga" é uma parceria entre o Yoga para Todes e Manu Cunhas. Com um formato super funcional, o livro é composto de um baralho que apresenta ilustrações de pessoas nuas e livres de preconceito em posturas de yoga, com a descrição de como se monta e desmonta a asana e seus benefícios no verso. “Eu estava escrevendo um livro sobre posturas, sobre asanas, quando conheci o trabalho da Manu que estava lançando um livro chamado ‘Ao acaso’, que por sinal, é um livro lindo que eu mais amo na vida, que são vários corpos de mulheres em asanas. Foi aí que a conheci e nos demos muito bem. Resolvemos então, juntar essas forças e mostrar que para praticar yoga você só precisa ter um corpo, independe de qual corpo que é”, fala Van Joda. “Queríamos que ele fosse utilizado como referência para a prática de yoga, a gente resolveu que ia fazer em um formato um pouco diferente, então, ele é um baralho com 64 cartas. As ilustrações das posturas aparecem na frente, e no verso informações sobre como entrar na postura e como sai dela, além de informações sobre os benefícios e muito mais. Tudo isso dentro de uma caixa bem caprichada e um monte de recompensas exclusivas para este projeto”, declara a Manu. O box conta com 64 posturas de yoga com o material postado nas redes sociais ao longo de dois anos, além de diversas ilustrações exclusivas para o livro. As cartas serão impressas em couchê fosco 350gm2 com laminação 16,5cm x 12 cm e caixa com gavetinha em cartão triplex com hot stamping no título.


Além do livro, haverão diversas recompensas feitas exclusivamente para esse Catarse, incluindo postais, adesivos, pôster serigrafado em tecido de algodão crú, kits com incenso artesanal, aulas de yoga e peças únicas de cerâmica! A campanha está disponível aqui.

Sobre as autoras

Manu Cunhas é formada em Design Gráfico pela UDESC, onde lecionou por um certo tempo. Além de professora, mãe e gateira, atua como designer e ilustradora freelancer, com foco em projetos editoriais e estamparia. É autora de quatro livros publicados por financiamento coletivo e ilustradora de outros tantos. O primeiro Catarse foi o do livro “Como diria meu gato”, que trouxe junto o “Guia de cuidados felinos”, e o segundo o “Outras meninas”, que recebeu o prêmio jabuti de ilustração em 2017. Em 2018 fui jurada do mesmo prêmio na categoria ilustração e foi o ano de lançamento do seu último livro independente, o art book “Ao acaso: mulheres livres, mamilos polêmicos”. Para conhecer mais do seu trabalho, acesse seu instagram ou seu site.

Van Joda é militante gorda contra gordofobia, estudante de educação física, professora de yoga, fundadora do projeto / escola YOGA PARA TODES, plataforma a partir da qual desenvolve ações de democratização e valorização da diversidade dos corpos por meio de hatha yoga e inclusão das pessoas gordas nesta filosofia. Participa e media rodas de diálogo sobre gordofobia, oferece práticas com yoga em instituições ligadas a valorização da terceira idade através do Sinsprev (Sindicato dos previdenciários, INSS e trabalhadores da saúde), integrou o coletivo Yoga de Rua, no qual realizou sessões regulares de yoga para pessoas em situação de vulnerabilidade social, e oferece práticas de yoga regulares e gratuita em Guaianases, em parceria com o Espaço Cultural Paulo Freire