Inspirada no livro de Sophie Siers, peça reflete sobre a importância de conviver com as diferenças

Com direção de Thaís Medeiros, "O Muro de Sam" está em cartaz no Teatro Alfa


Foto: Giovana DelMasso


A importância de convivermos com o “outro” e de “derrubarmos” as barreiras que separam as pessoas são reflexões propostas pela peça O Muro de Sam, com direção de Thaís Medeiros e dramaturgia de Rhena de Faria. O espetáculo estreou em julho de 2022 e cumprirá uma nova temporada no Teatro Alfa.

A montagem é inspirada no livro “Querido Senhor Presidente”, da escritora neozelandesa Sophie Siers e da ilustradora canadense Anne Villeneuve. O elenco é formado por Aline Volpi, Ana Paula Castro, Marcelo Peroni e Vladimir Camargo. A trama acompanha o menino Samuel, que deseja construir um muro em seu quarto para separá-lo de seu irmão mais velho.


Esse interesse é despertado pela notícia de que o presidente dos Estados Unidos vai erguer um muro na fronteira com o México. Sem a aprovação de sua mãe, ele decide escrever cartas ao presidente americano para contar a sua id eia.


Foto: Giovana DelMasso


Enquanto isso, Samuel e seus colegas de classe vivem um drama: sua escola está prestes a ser demolida para dar lugar a um shopping. A ideia da peça é convidar o público a refletir sobre os relacionamentos e convivência entre as pessoas, além da importância de resolvermos as diferenças por meio do diálogo, da escuta e da empatia.


“Para a adaptação teatral, mudamos o título original do livro para que passasse a ter duplo sentido, uma vez que o nome Sam pode se referir tanto ao apelido do protagonista (Samuel) como ao ‘Tio Sam’ (como os Estados Unidos são popularmente conhecidos)”, conta a dramaturga Rhena de Faria.

Foto: Giovana DelMasso


Alguns personagens da obra original foram retirados e outros inseridos, como, por exemplo, o pai de Sam, que tinha pouca importância na trama e passou a ser substituído pela figura da mãe, a chefe da casa que cria os dois filhos sozinha – algo que representa melhor uma família tipicamente brasileira. Outras adições foram Maria Angélica, uma amiga cheia de opiniões que ajuda o protagonista a observar o mundo ao seu redor; e Suzana, por quem o menino é apaixonado e que tem também o papel de auxiliá-lo em sua transformação.


Ficha Técnica

Dramaturgia: Rhena de Faria. Direção: Thaís Medeiros. Elenco: Aline Volpi, Ana Paula Castro, Marcelo Peroni e Vladimir Camargo. Trilha Sonora Original: Dan Maia. Cenografia e Criação de Luz: Marisa Bentivegna. Figurinos: Marichilene Artisevskis. Criação e Confecção do Dragão Chinês: Edivaldo Zanotti. Design Gráfico: Giovana Del Masso. Técnica de Luz: Roseli Almeida. Técnico de Som: Rodrigo Moraes. Realização: Catarsis Arte para Infância e Juventude. Inspirado no livro “Querido Senhor Presidente”, escrito por Sophie Siers e ilustrado por Anne Villeneuve.


O MURO DE SAM

Temporada: Até 16 de Outubro

Horário: Sábados e Domingos, às 16h

Local: Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722

Ingressos: R$ 40,00 (inteira) | R$ 20,00 (Meia) | Compre aqui

Duração: 65 minutos

Classificação: Livre