5 motivos para assistir "Nasce Uma Rainha"

Reality Show acabou de entrar para o catálogo da Netflix.


Enfim temos a estreia tão aguardada do reality show "Nasce uma Rainha", comandado pelas divas Alexia Twister e Gloria Groove. Com o formato já conhecido por parte da audiência, o programa tem a missão de coroar os participantes aspirantes a Drag Queen. Com muito bom humor e entrosamento, as Madrinhas conseguem lidar tanto com a emoção quanto com algumas resistências que podem surgir de alguns afilhados.


Bom, e agora eu vou listar motivos para te convencer a assistir:


1 - Conquista do nosso espaço: diversidade LGBT

Vivemos num país que está longe de ser um local seguro para nós LGBT. Por isso, cada passo que damos, cada conquista, deve ser celebrada. Ter um programa apresentado por duas Drag Queens, com temas que são relevantes para nossa comunidade, com cada participante trazendo a sua história e sua arte, sem ter uma interferência ou um tom caricato, é sim uma conquista. Porém, além da celebração, precisamos lembra do apoio: assim como assistimos aos episódios, divulgando e compartilhando nossas impressões, que tal consumir mais o trabalho dos nossos amigos e artista LGBT?


2 - Visão abrangente sobre a arte Drag

O programa é uma grande oportunidade para quem ainda tem a figura da Drag Queen atrelada à noite, que reveja seus conceitos. Existe um leque possibilidades dentro da cultura Drag. E cada um tem seu espaço, que precisa, e merece, ser visto e respeitado. Além disso, é muito bom também para que a gente conheça um pouco mais como é o trabalho , por exemplo de uma Drag Cantora: tem ensaio, tem figurino, maquiagem, ação de marketing, etc.


3 - Histórias que conquistam

Apesar de ser um recorte, cada participante traz consigo uma história que nos convida a refletir sobre nossas ações, nossos pensamentos e até mesmo, nossos preconceitos. Família, amigos, vida profissional e pessoal, tudo está atrelado ao nosso modo de ser e ver a vida. E todo mundo só deseja ser feliz sendo quem , não é mesmo?


4 - Todo mundo pode ser Drag

Outro ponto positivo do reality é mostrar que todo mundo pode ser Drag Queen. O episodio 03, "Carlão Sensação", (um dos meus favoritos) mostrou como é o processo de criação da Drag King, que abre o espaço para o questionamento dos papéis de gênero. Que faz conexão com uma fala de um dos participantes sobre as Drags que usam barba.


5 - Alexia Twister + Gloria Groove: Que coisa boa!

Claro, elas dão um show! A química entre Alexia Twister e Gloria Groove já conquista nos primeiros minutos. Cada madrinha, a sua maneira, vai lapidando o seu afilhado, mostrando técnicas, dando dicas, tudo com muito bom humor. Gloria, tem ainda uma missão desafiadora: conversar com os convidados , que podem ser parentes ou amigos dos participantes, e explorar temas como aceitação, família e respeito.


E vai um motivo bônus: O programa está repleto de participações especiais como Tiago Abravanel, Loulou Callas e Silvero Pereira.


Com produção da Boutique Filmes , "Nasce uma Rainha" tem seis episódios, com duração média de 40 minutos cada. Confira o trailer abaixo e corre pra Netflix e maratonar .