Cia. Paulicea de Teatro realiza temporada de debates teatrais na Oficina Cultural Oswald de Andrade

Grupo promove encontros para refletir sobre a obra do dramaturgo João das Neves

Foto: Guto Muniz


Ao pesquisar a dramaturgia de João das Neves, nos deparamos com uma infinidade de caminhos, estilos e referências. Por isso, durante o mês de maio apresentaremos Leituras Dramáticas e Debates de dramaturgias do autor”, comenta o grupo.


Um dos fundadores do Grupo Opinião, ao lado de Ferreira Gullar, Vianinha e outros nomes importantes do teatro brasileiro, João das Neves foi um encenador e pensador do teatro contemporâneo da América Latina, que deixou como legado uma importante contribuição para a formação intelectual e estética de grupos teatrais de várias partes do Brasil, provocando discussões em torno das múltiplas linguagens e da necessidade de realizar um teatro político sem perder de vista a dimensão da beleza e da estética.


Reconhecendo-se nas diversas lutas culturais e políticas do país, João das Neves realizou sua jornada dirigindo uma infinidade de espetáculos por todo o Brasil, e trabalhando em projetos especiais na Alemanha, onde escreveu uma peça radiofônica.


Com o projeto Missão João das Neves: em busca de uma nação imaginada, da Cia. Paulicea, contemplado na 38ª edição do Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo, a partir de estudos sobre a vida e obra do dramaturgo, diretor, ator e poeta João das Neves, o grupo se propõe a investigar como o teatro pode ser constituinte de um campo no qual é possível resistir às estratégias da cultura de dominação e poder, reinventando uma subjetivação através de novas formas de existência e resistência.


PROGRAMAÇÃO


O TEATRO POLÍTICO

Dia 12 de Maio – 19h

Direção – Edgar Castro

Debatedora - Georgette Fadel


“O Último Carro”, o texto mais popular do autor, eternizado por sua encenação de extrema modernidade no final dos anos de 1970. Participação de um grupo de atores convidados, que farão a leitura sob a direção de Edgar Castro (ator da Cia. Livre de Teatro e diretor de espetáculos na Cia. dos Incentivos). A apreciação será da atriz e diretora Georgette Fadel, que dirigiu o texto com aprendizes da Escola Livre de Teatro em Santo André em 2000. Troca de impressões a respeito da relação entre a obra, a crítica social contida no texto e a evolução do chamado Teatro Político até os dias atuais.


O TEATRO INFANTO JUVENIL

Dia 19 de Maio - 15h

Grupo Esparrama

Debatedor – Marcelo Romagnolli


“A Lenda do Vale da Lua”, texto infantil mais montado de João das Neves, escrito em 1976. Participação do Grupo Esparrama, especialista em teatro para infâncias e juventudes, e do dramaturgo Marcelo Romagnolli. Um debate a respeito da produção do autor, sua relação com esse universo e o que se produz na contemporaneidade.


O TEATRO DE GÊNERO

Dia 26 de Maio - 19h

Cia. do Miolo

Debatedora – Leda


“Mural Mulher”, obra que inaugura a fase em que João das Neves discutiu questões de gênero. Um documento ficcional, já que foi baseado originalmente em entrevistas com diferentes mulheres, como garis, jornalistas, donas-de-casa, prostitutas, metalúrgicas, atrizes, entre outras, compondo um mural que se completa com música e poesia. Participação das atrizes da Cia. do Miolo, e apreciação da dramaturga, poeta e ensaísta acadêmica, Leda Maria Martins.


SEGUNDA JORNADA - LEITURAS DRAMÁTICAS E DEBATES

Temporada: Até 26 de Maio

Local: Rua Três Rios, 363 - Bom Retiro

Ingressos: Gratuito | Retirar no local

Classificação: Livre