Cia Empório de Teatro Sortido faz temporada comemorativa do espetáculo Música Para Cortar os Pulsos

A montagem original ficou três anos em cartaz, apresentando-se em mais de 30 cidades brasileiras


Divulgação


Para corações juvenis de todas as idades, a peça, com texto e direção de Rafael Gomes, traz no elenco Fábio Lucindo, Felipe Frazão, Mayara Constantino, Victor Mendes e Dom Capelari, além da atriz alternante (sextas–feiras de novembro) Bella Marcatti. Espetáculo estreia presencialmente no Teatro Vivo.

Estreada em 2010, marcando a fundação da companhia Empório de Teatro Sortido, “Música para cortar os pulsos conta três histórias de amor: a de Isabela, que sofre porque foi abandonada; a de Felipe, que quer muito se apaixonar; e a de seu amigo Ricardo, que está apaixonado por ele.

O texto foi concebido a partir dos sentimentos que encontramos nas milhares de canções que ouvimos ao longo da vida e que nos ensinam a amar, nos traduzem, nos embalam, nos fazem chorar, que são princípio e fim das nossas emoções. Como resultado, a peça se tornou, desde sua estreia, uma obra tão escandalosamente confessional, sincera e derramada como só as músicas - e o amor - sabem ser.

A montagem original ficou três anos em cartaz, apresentando-se em mais de 30 cidades brasileiras para um público de dezenas de milhares de pessoas e alcançando enorme poder de comunicação com adolescentes e jovens adultos. Foi ainda vencedora do prêmio da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) de melhor peça jovem.

Divulgação


Desde então, o poder de permanência da história fez do texto uma referência em teatro para a juventude, gerando inúmeras remontagens amadoras em universidades e escolas de artes cênicas, figurando em livros didáticos para Ensino Médio e se fixando no imaginário de uma geração.

Dez anos depois, a peça deu origem a um longa-metragem (com o título alterado para “Música para morrer de amor”). Com estreia mundial no NewFest – Festival LGBTQ de Nova York, e tendo sido exibido em mais de uma dezena de eventos ao redor do mundo, o filme foi lançando nacionalmente em 2020, em cinemas drive-in e plataformas digitais, durante as restrições impostas pela pandemia de covid 19.

Agora, fazendo o percurso inverso – das telas para o palco – e celebrando (com o circunstancial atraso) uma década de sua estreia, “Música para cortar os pulsos” retorna ao teatro. Sendo ainda o mesmo texto, é um novo espetáculo, reencenado, com novos integrantes no elenco e com a música potencializada em cena, executada ao vivo.

A nova versão incorpora as experiências vividas desde então por atores e dramaturgo, bem como os 10 anos de trocas com o público e os ecos da experiência cinematográfica – além dos caminhos insondáveis sempre percorridos pelos sentimentos.

Para completar, o texto da peça (anteriormente publicado e com tiragem esgotada) recebeu nova edição, pela Editora Incompleta, que o contrapõe ao roteiro do filme e contém inúmeras notas acerca do processo de adaptação. A publicação, também parte da celebração de 10 anos da peça, contém ainda um ensaio ficcional inédito de Rafael Gomes e um prefácio de Vinicius Calderoni, ambos fundadores da companhia Empório de Teatro.

FICHA TÉCNICA


DRAMATURGIA E DIREÇÃO

Rafael Gomes

ELENCO

Fábio Lucindo – Felipe

Felipe Frazão - Ricardo

Mayara Constantino* - Isabela

Victor Mendes – diretor/ Ricardo.

Dom Capelari – músico

* Atriz Alternante: Bella Marcatti

CENOGRAFIA

Adaptada a partir de projeto original de André Cortez.

ILUMINAÇÃO

Marisa Bentivegna

FIGURINO

Melina Schleder

ASSISTÊNCIA DE DIREÇÃO

Mayara Constantino e Victor Mendes

DIREÇÃO DE PRODUÇÃO

César Ramos e Gustavo Sanna

PRODUÇÃO

Complementar Produções

REALIZAÇÃO

Empório de Teatro Sortido


Divulgação


MÚSICA PARA CORTAR OS PULSOS

Temporada: De 05 de Novembro a 12 de Dezembro

Horário: Sextas e Sábados, às 20h | Domingos, às 18h*

Local: Av. Dr. Chucri Zaidan, 2460 - Morumbi

Ingressos: R$ 60,00 (inteira) | R$ 30,00 (meia entrada)** | Compre aqui

Gênero: Drama

Duração: 70 min

Classificação: 12 anos


*Sessão extra dia 13/11 (sábado), às 17h

**Dias 05, 12, 18 e 25 de Novembro a entrada será gratuita

Posts Relacionados

Ver tudo